Saltar para conteudo

Sinopse

Make Trouble

Studio Dries Verhoeven

Guilty Landscapes: Episode I Hangzhou

Setembro

2024

Estreia nacional

Ter
24
Sáb
28

Sinopse

A disponibilização constante de notícias nos nossos computadores portáteis, televisores e telemóveis faz de nós testemunhas permanentes de situações complexas no outro lado do mundo, dando azo a sentimentos de desconforto ao sermos confrontados com a pobreza e o desespero. A câmara noticiosa não é neutra; de forma intencional ou não, quem é filmado é definido como vítima. O espectador socialmente consciente não tarda a ser arrastado para uma espiral de culpa e vergonha. E se as notícias se voltassem para as suas testemunhas? E se os protagonistas do jornal da noite nos olhassem nos olhos? — Studio Dries Verhoeven

Este espetáculo é experienciado individualmente, entrando uma pessoa de cada vez, a cada 10 minutos.

imersão

disrupção

videoarte

© Willem Popelier

© Willem Popelier

Fotografia a cores. Uma figura masculina sentada no chão, apoiada nos seus braços estendidos, visiona um filme. Na imagem do filme, uma figura feminina está sentada no chão de uma fábrica têxtil, numa posição semelhante.

© Willem Popelier

Informação adicional

  • Preço 
    2.50€
  • Duração 
    7min
  • Classificação etária 
    12+

Acessibilidades do espetáculo

Acessível a pessoas em cadeira de rodas
Sem texto
Sons muito altos ou intensos

Texto biografia autores

Dries Verhoeven faz teatro, é artista visual e é membro da Sociedade Neerlandesa das Artes. Cria instalações, performances e happenings em museus, em locais específicos e nos espaços públicos urbanos. Na fronteira entre performance e instalação, analisa de forma crítica as relações entre espectadores, intérpretes, realidade quotidiana e arte. O espectador é envolvido diretamente no trabalho ou tem a oportunidade de direcionar as suas próprias experiências.

Ficha técnica

  • Conceção
    Dries Verhoeven

    Produção
    Studio Dries Verhoeven

    Registo vídeo
    Thorsten Alofs, Christopher Hewitt

  • Guilty Landscapes é possibilitada graças ao Prins Bernhard Cultuurfonds / Het Zilveren Lint Fonds e VSBfonds.

Subscrevam a nossa newsletter e recebam todas as novidades sobre o TMP.

close