Saltar para conteudo

Sinopse

FIMP 2024 no TMP

com sessões escolares

Ainhoa Vidal

Aruna e a arte de bordar inícios

Outubro

2024

estreia

Sáb
12
Ter
15

Sinopse

Tudo começa com um silêncio, o silêncio que antecede uma catástrofe. Há catástrofes e catástrofes, umas que nos afetam enquanto sociedade, outras individuais em que perdemos o chão que nos convinha. E depois desse acontecimento? Um recomeço, uma reconstrução – e é neste coração em guerra que encontramos sempre a nossa arma selvagem, a nossa força de coragem. A cidade perdeu o chão. Aruna a gravidade. A partir de um teatro de sombras cantado por uma criança, Aruna, de 10 anos, conta-nos a história de uma reconstrução social e humana em tempos de adversidade. Este espetáculo convive com uma exposição feita Eleonor Labatut e Simon Deprez, arquitetos dedicados ao trabalho de reconstrução em lugares atingidos por catástrofes naturais. — Ainhoa Vidal

construção

catástrofe

recomeço

perda

© Carla Martinez

© Carla Martinez

Fotografia a cores. Recortes em papel de miniaturas de um prédio, pessoas e um motor.

© Carla Martinez

Info sobre horário e bilhetes

Sáb

12.10

Dom

13.10

Seg

14.10

10:30

Ter

15.10

10:30

Campo AlegreAuditório

bilhetes

Informação adicional

  • Preço 
    2.50€
  • Duração 
    50min
  • Classificação etária 
    A classificar pela CCE

Acessibilidades do espetáculo

Acessível a pessoas em cadeira de rodas
Texto

Texto biografia autores

Desde pequena que Ainhoa Vidal trabalha o seu corpo: desde a ginástica de competição às técnicas de dança clássica e contemporânea. É pós-graduada em Pedagogia Percetiva do Movimento e em Arte e Terapia do Movimento. Viajou pela Europa, América Latina e Asia à procura de outros modos de relação com a dança, o corpo e o seu movimento. Explora a dança, o teatro e o trabalho de roupa e objetos na criação de universos particulares e sempre ligados à comunidade. Destaca nos seus trabalhos, A Vós, Alcovas Brancas, Uma Luz na Terra, Rosa Cão, Asas de Papel, A Cidade da Tristeza Profunda, junto com os Dead Combo, Heróis, Oceano e Liliput.

Ficha técnica

  • Criação, interpretação, texto, figurinos
    Ainhoa Vidal

    Interpretação, desenhos, cenografia
    Carla Martinez

    Direção musical
    Luís Martins

    Composição e letra
    Pedro da Silva Martins

    Voz
    Zoe Vidal

    Piano
    Joana Sá

    Gravação e mistura
    Hélder Nelson

    Exposição e recolha de conteúdos
    Simon Deprez e Eleonore Labatu

  • Criação de Luz
    Nuno Salsinha

    Assistência cenográfica
    Matilde Salsinha

    Construção de maquete
    Gonçalo Marques, Tommy Grainger

    Produção
    menosmuitomais CRL

    Coprodução
    Vida Virtuosa, Teatro Municipal do Porto, Centro Cultural de Belém

    Apoios Residência
    c.e.m., Quinta Alegre, Teatro da Voz

    Projeto financiado por
    República Portuguesa e Direção Geral das Artes  

Subscrevam a nossa newsletter e recebam todas as novidades sobre o TMP.

close