QUARTETO CONTRATEMPUS


As Sete Mulheres de Jeremias Epicentro

Estreia / Coprodução

SÁB 16 SET / 19h00
DOM 17 SET / 17h00


Auditório • Campo Alegre

7,50EUR • M/6
Texto Original Mário João Alves
Composição Jorge Prendas
Encenação António Durães
Apoio ao Movimento Cláudia Marisa
Interpretação Teresa Nunes (soprano), Ana Santos (mezzo-soprano), Crispim Luz (clarinete), Susana Lima (violoncelo) e Brenda Vidal Hermida (piano)
Espaço Cénico Marta Figueiroa
Figurinos Inês Moitas
Desenho e Operação de Luz Mariana Figueroa
Multimédia / Vídeo / Som Hugo Edgar Mesquita
Pesquisa Tecnologias Wearable Hugo Edgar Mesquita
Produção Carlos Pinto
Duração aprox.1h20
Esta é a história de Jeremias Epicentro, um D. Giovanni moderno e incansável. 
Mas Jeremias é um enorme sedutor que se apaixona e desapaixona num pequeno espaço entre quatro paredes. É um sedutor solitário. Os sentidos de Jeremias vivem do mesmo modo o real e o virtual. Na sua hiperatividade emocional, Jeremias Epicentro seduz, por isso, as personagens com que joga, as atrizes dos filmes que vê e, em última análise, as heroínas dos livros que lê. No seu quarto cabe o mundo inteiro, cabem todas as emoções e experiências humanas, as paixões, os enganos, as proezas e desassossegos. Prisioneiro do seu ecrã, Jeremias, como tantos contemporâneos seus, vai perdendo a capacidade de distinguir o real do virtual. No seu quarto, Jeremias empalidece, com o tempo. No mundo virtual há pouco sol.
A criação desta ópera parte de um projeto de investigação levado a cabo em parceria com a FEUP no estudo da aplicação das tecnologias wearable às artes performativas.


O Quarteto Contratempus é um grupo de ópera de câmara fundado em 2008, com génese na ESMAE. Composto pelos músicos Teresa Nunes (soprano), Crispim Luz (clarinete), Brenda Vidal Hermida (piano) e Susana Lima (violoncelo). O Quarteto dedica-se à produção e interpretação de obras de música contemporânea, principalmente com a estreia de obras de criadores portugueses, nomeadamente com os compositores Fernando Lapa, Daniel Moreira, Nuno Côrte-Real, Sérgio Azevedo e Jorge Prendas. 
QUARTETO CONTRATEMPUS -

calendário