BODIED SPACES #2


Coreografia e filosofia

Julho

Qui 7 JUL ⁄ 18h30


Escola Superior de Educação (ESE)

Sala de Drama

Entrada Livre 
Curadoria Gabriela Vaz-Pinheiro
Convidados Ana Mira + João Fiadeiro 
Em Coreografia e filosofia iremos procurar conexões entre a dimensão do movimento e a do pensamento, ligados pela sensação e pela profunda consciência de si que ambos, movimento e pensamento, necessitam.  
A questão de tradução, isto é como é que a linguagem, a hesitação antes da palavra, pode atravessar o espaço que o pensamento ocupa até ao espaço do movimento do corpo; como é que a escolha do movimento é determinada por uma íntima consciência do que se exclui; como é que o pensamento se pode “performar”. 

Curadoria Gabriela Vaz-Pinheiro
Convidados Ana Mira + João Fiadeiro

Ana Mira (1976, Lisboa) é investigadora, performer e escritora de dança e filosofia. Estudou dança contemporânea em Lisboa, Amesterdão, Londres e Nova Iorque. Influenciada pelo movimento avant-garde, começou a fazer performances de dança em colaboração com artistas de dança, teatro, poesia e artes visuais. Como performer colaborou com Pauline de Groot, Russell Dumas, Deborah Hay e Rosemary Butcher. É membro investigador do Instituto de Filosofia da Nova (FCSH-UNL) onde colabora com o Grupo de Investigação Performance e Filosofia.

João Fiadeiro (1965) pertence à geração de coreógrafos que emergiu no final da década de oitenta em Portugal e que deu origem à Nova Dança Portuguesa. Grande parte da sua formação é feita entre Lisboa, Nova Iorque e Berlim, tendo depois sido bailarino na Companhia de Dança de Lisboa (86-88) e no Ballet Gulbenkian (89-90).É director artístico do ATELIER | RE.AL (fundado em 1990) que, para além da criação e difusão dos seus próprios espetáculos – apresentados regularmente por toda Europa, América do Norte e do Sul – desenvolve uma programação de residências artísticas e apresentações de projectos transdisciplinares. Toda a sua actividade gravita em torno da prática, da investigação e da aplicação do método de Composição em Tempo Real (CTR), um sistema composição e improvisação desenvolvido e sistematizado por João Fiadeiro desde 1995.

BODIED SPACES #2 -

calendário