História(s)

2ª Parte — Tiago Guedes

Qui 10 Janeiro 2019

 
Quando, no século XVIII, o Marquês de Sade escreveu “Os 120 Dias de Sodoma”, aprisionado na Bastilha, longe estaria de imaginar que esse seu manuscrito se viesse a tornar, simultaneamente, uma das mais odiadas e amadas obras literárias, suscitando interesse alargado na comunidade artística. Pasolini mergulhou nesta obra e realizou “Saló ou Os 120 dias de Sodoma” (1976), numa adaptação que resultou naquele que para muitos é ainda o filme mais perturbador da história do cinema do séc. XX, numa mordaz crítica ao fascismo de Mussolini.
Em 2017, MILO RAU, encenador suíço e Diretor do NT GENT, nome maior da encenação do terror e dos crimes da humanidade, juntou-se à Schauspielhaus Zürich e à companhia Teatro Hora (composta em exclusivo por atores portadores de trissomia 21) para criar um espetáculo no qual convivem em palco histórias de sadismo e de horror, os universos literário e cinematográfico das obras de Sade e Pasolini, e a mestria de uma encenação. “Os 120 Dias de Sodoma” conduz-nos assim a uma viagem histórica pela mão de Milo Rau, através de Sade e Pasolini, naquela que é uma crítica constante aos poderes instalados e aos seus abusos.
Do teatro para a dança, ponto de paragem obrigatória em Pina Bausch, ícone da dança mundial, que sempre trabalhou de perto com os seus bailarinos e atores.Pina Bausch, defendendo que as suas peças nunca viriam a existir sem o contributo dos seus insubstituíveis interpretes, foi a responsável pela instituição doconceito de cocriação, extensível a muitas práticas artísticas dos nossos dias.
CRISTIANA MORGANTI, uma das suas bailarinas mais emblemáticas, criou “Moving With Pina”, espetáculo construído a partir de excertos do extenso repertório que dançou e onde conta a sua experiência de colaboração para a construção dessas obras, num vai e vem feito de histórias, movimentos e emoções. Este espetáculo-conferência leva-nos a percorrer a história da dança-teatro, que tanto influenciou artistas de todo o mundo, através do olhar cúmplice de quem a ajudou a escrever.
WILLIAM FORSYTHE, norte-americano que se estabeleceu na Alemanha, país a partir do qual desenvolveu o seu trabalho, é sem dúvida um dos maiores coreógrafos vivos da atualidade. Para além da direção de várias companhias, nomeadamente o Ballet de Frankfurt e a sua companhia homônima, tem-se dedicado a projetos que cruzam a dança, as artes visuais, a instalação e o vídeo.
Pese embora esta deambulação disciplinar, falar de Forsythe significa mergulharmos nos fundamentos da dança, da técnica e da sua constante mutação e reinterpretação.
“A Quiet Evening Of Dance” sublima todo o trabalho de Forsythe num só espetáculo, ao som dos pássaros e da música barroca de Rameaux, destacando o essencial do que pode ser a dança de hoje, sem artifícios, sem adornos, com o foco no corpo e na inventividade da escrita coreográfica. Incomensuravelmente contemporâneo por tanto dialogar com o clássico, este espetáculo relembra-nos que a história da arte em geral - e da dança, em particular - é circular, desde a corte de Luís XIV à dança dos nossos dias, poliédrica e disforme.
Os cinco meses presentes nesta agenda-livro, segundo volume da temporada 2018/2019 do Teatro Municipal do Porto, continuam a falar-nos destas e de muitas outras histórias, num constante e frutífero diálogo entre presente e passado. São cinco meses de descoberta de artistas nacionais e internacionais – uns de regresso, outros que se apresentam nos palcos do Rivoli e do Campo Alegre pela primeira vez -, e de muitas atividades paralelas que permitem compreender mais a fundo, através da prática ou da teoria, o universo de cada um deles.
Será também nos próximos meses, entre 24 de abril e 26 de maio, que acolhere mos o DDD – Festival Dias da Dança e o FITEI – Festival Internacional de Teatro
de Expressão Ibérica, festivais que este ano se apresentam com força redobrada, fruto de uma profícua parceria programática e de comunicação. O Teatro
Municipal, ao coproduzir estes dois festivais, contribui assim para que nessas cinco semanas as artes performativas se apresentem no Porto à escala europeia, inscritas no circuito internacional de programadores.
Venham, muitas vezes!

TIAGO GUEDES
Diretor Artístico
História(s) -
87º Aniversário Rivoli: 100 habitantes do Porto ajudam a apagar as velas

Sex 18 Janeiro 2019

87º Aniversário Rivoli: 100 habitantes do Porto ajudam a apagar as velas

Nos dias 19 e 20 de janeiro, o Teatro Rivoli celebra os seus 87 anos de “vida” numa festa de 48h - com dança, teatro, música, literatura, performance e ainda uma festa até às 04h00 - onde 100 habitantes do Porto ajudam a apagar as velas. 

100% Porto: Teatro Rivoli comemora o seu 87º aniversário em dois dias de festa

Seg 14 Janeiro 2019

100% Porto: Teatro Rivoli comemora o seu 87º aniversário em dois dias de festa

A 19 e 20 de janeiro, o Teatro Rivoli celebra o seu aniversário com mais de uma dezena de espetáculos com entrada gratuita propostos por artistas e companhias da cidade.

Programação de março a julho do TMP apresentada ontem no Teatro Rivoli

Sex 11 Janeiro 2019

Programação de março a julho do TMP apresentada ontem no Teatro Rivoli

A temporada de março a julho de 2019 do Teatro Municipal do Porto (TMP) reúne mais de 50 espetáculos e a parceria inédita entre os festivais DDD e FITEI.

1, 2, 3...

Qua 12 Dezembro 2018

1, 2, 3...

... Perguntas a Dina Lopes

Foco Famílias 2018

PRESENTE!: neste Natal ofereça dois lugares do TMP

Qui 6 Dezembro 2018

PRESENTE!: neste Natal ofereça dois lugares do TMP


O Teatro Municipal do Porto lança, mais uma vez, o PRESENTE!, um voucher que permite a todos os interessados adquirir e oferecer um produto diferenciador nesta época festiva. 

1, 2, 3...

Seg 26 Novembro 2018

1, 2, 3...

... Perguntas a Álvaro Teixeira Lopes

Novos Talentos

João Pais Filipe e Valentina Magaletti: Uma história de amor

Sáb 24 Novembro 2018

João Pais Filipe e Valentina Magaletti: Uma história de amor


Esta é uma história de amor “musical”:
Conheceram-se a 1 de dezembro de 2017, aquando do concerto dos britânicos Tomaga no Subpalco do Rivoli e agora, 364 dias depois – a 30 de novembro -, João Pais Filipe e Valentina Magaletti apresentam um disco a quatro mãos, "Golden Path", no mesmo local onde se conheceram.

1, 2, 3...

Sex 23 Novembro 2018

1, 2, 3...

... Perguntas a Julieta Guimarães

Mostra Estufa

1, 2, 3...

Qui 22 Novembro 2018

1, 2, 3...

... Perguntas a João Gesta

Quintas de Leitura

Anarquivo

Qua 21 Novembro 2018

Anarquivo

Revoluções: a dança múltipla dos corpos

Um registo livre a partir dos espetáculos da temporada para reativar o discurso das conversas pós-espetáculo e repensar o nosso tempo.

Anarquivo

Ter 20 Novembro 2018

Anarquivo

A Love Supreme

Um registo livre a partir dos espetáculos da temporada para reativar o discurso das conversas pós-espetáculo e repensar o nosso tempo.

Anarquivo

Seg 19 Novembro 2018

Anarquivo

Romances inciertos: dançar a própria incerteza

Um registo livre a partir dos espetáculos da temporada para reativar o discurso das conversas pós-espetáculo e repensar o nosso tempo.

HHY & The Macumbas apresentam o novo álbum no Subpalco do Teatro Rivoli

Seg 12 Novembro 2018

HHY & The Macumbas apresentam o novo álbum no Subpalco do Teatro Rivoli


Num concerto do ciclo Understage, desta vez em coprodução com a Amplificasom, HHY & The Macumbas apresentam o novo álbum: “Beheaded Totem”, dia 16 de novembro, às 23h00 no Subpalco do Teatro Rivoli. 

Trilogia da juventude do TEP apresentada na íntegra no Teatro Campo Alegre

Qua 7 Novembro 2018

Trilogia da juventude do TEP apresentada na íntegra no Teatro Campo Alegre


Entre os dias 7 e 17 de novembro, o Teatro Experimental do Porto (TEP) apresenta, na íntegra, a “Trilogia da juventude” no Teatro Campo Alegre.

1, 2, 3...

Dom 4 Novembro 2018

1, 2, 3...

... Perguntas a Martim Pedroso

Nova Companhia

Né Barros

Qui 25 Outubro 2018

Né Barros

Entrevista

sobre "Revoluções"

François Chaignaud e Nino Laisné em concerto-recital no Palácio da Bolsa

Ter 23 Outubro 2018

François Chaignaud e Nino Laisné em concerto-recital no Palácio da Bolsa


Nos dias 26 e 27 de outubro, sexta-feira e sábado, o coreógrafo e bailarino, François Chaignaud, e o artista visual, Nino Laisné, apresentam em estreia nacional o espetáculo “Romances inciertos — un autre Orlando”, no Salão Árabe do Palácio da Bolsa

Anarquivo

Sex 12 Outubro 2018

Anarquivo

Alguma coisa ruiu
Sobre Late Night

Um registo livre a partir dos espetáculos da temporada para reativar o discurso das conversas pós-espetáculo e repensar o nosso tempo.

1, 2, 3...

Qui 11 Outubro 2018

1, 2, 3...

... Perguntas a Cláudia Dias

FIMP – Festival Internacional de Marionetas do Porto 2018

Anarquivo

Qui 11 Outubro 2018

Anarquivo

The Waves: Sob o desenrolar contínuo do gesto

Um registo livre a partir dos espetáculos da temporada para reativar o discurso das conversas pós-espetáculo e repensar o nosso tempo.

1, 2, 3...

Qua 3 Outubro 2018

1, 2, 3...

... Perguntas a João Ferreira

Queer Porto

1, 2, 3...

Qui 27 Setembro 2018

1, 2, 3...

... Perguntas a André e. Teodósio

Teatro Praga

Renata Portas

Seg 10 Setembro 2018

Renata Portas

Entrevista

sobre "Estava em casa à espera que a chuva viesse"

História(s)

Qui 6 Setembro 2018

História(s)

1ª Parte — Tiago Guedes

A temporada 2018/2019 do Teatro Municipal do Porto — Rivoli e Campo Alegre será apresentada em dois tempos e em duas agendas de programação.

Artistas Associados

Sáb 1 Setembro 2018

Artistas Associados

Temporadas 17/18 & 18/19

O coreógrafo Marco da Silva Ferreira e o encenador Jorge Andrade (mala voadora) são os primeiros artistas associados do Teatro Municipal do Porto.